• Dicas de maquiagem: como limpar os olhos

    Depois de todo um trabalho para deixar os olhos radiantes e poderosos, eu sei BEM como é chato tirar a maquiagem da região. Mas lembre-se sempre que isso é muito importante, uma porque o seu travesseiro vai ficar manchado e outra porque a sua cútis vai agradecer no futuro! Então aqui vão algumas dicas básicas para você conseguir realizar essa tarefa de forma eficiente e o mais rapidamente possível!

    1 – Escolha um bom demaquilante para olhos

    Demaquilante Avon - www.belezices.com.br

    Os demaquilantes para olhos são diferentes daqueles para o rosto porque a região é mais sensível. Existem infinitas marcas que prometem bons resultados e farei, em breve, uma resenha das principais disponíveis no mercado! O importante é achar uma que caiba no seu bolso e que dure consideravelmente para você não se deparar com aquela sensação de muito mês sobrando no salário.

    2 – Escolha uma boa marca de algodão

    discos de algodão

    Muita gente não se atenta para este fato, mas algumas marcas de algodão realmente não funcionam na remoção da maquiagem. Sei disso porque algumas são ásperas demais e machucam a região sensível dos olhos. Já tive que passar pacotes inteiros para frente por não poder utilizá-los mais.

    3 – Lave os olhos com xampu de criança

    Xampu Johnsons Baby

    Por serem neutros e não causarem ardor nos olhinhos, os xampus infantis são indicados para lavar a região. Esse produto tira qualquer resquício de maquiagem que o demaquilante possa eventualmente ter deixado e ainda hidrata os cílios, que nada mais são do que os “cabelos” dos olhos. Ai, que fofo!! hehehe

    Qual marca de demaquilante para olhos vocês recomendam?

    Leia também

  • Beauty Box: a nova estrela do Grupo Boticário

    Que todo mundo conhece a qualidade dos produtos do Grupo Boticário, isso é inegável. São várias marcas sensacionais como Eudora, Quem disse, Berenice?, The Beauty Box e a marca homônima. Confesso que adoro todas, cada uma tem lugar cativo nas minhas gavetinhas, mas uma que se destaca a partir desta semana é a multimarcas The Beauty Box, que começa a comercializar produtos de marca própria!

    Beauty Box

    A Beauty Box já vendia produtos de beleza de diversas marcas como Vult, Revlon, Duda Molinos, Granado, Phebo, e muitas outras, além das marcas da casa e perfumes consagrados. Masssssss a novidade da semana são os produtos de beleza e maquiagem da própria Beauty Box. Ontem fui ao shopping Mooca (além do e-commerce, a marca só possui duas lojas físicas, nos shoppings Mooca e Interlagos) e me derreti pelos pincéis, que parecem maravilhosos!! Se seguirem a linha dos pincéis de maquiagem Eudora, tem tudo para serem super bons com preços mega camaradas! Acreditem, vale a pena!

    Beauty Box Pincéis

    Eu comprei o de esfumar para presentear uma amiga (sou daquelas que acredita que TODA mulher deve ter um pincel de esfumar, muda a vida em termos de maquiagem hehe) e paguei R$ 14,90 (média de todos os pincéis menores; o de pó custa R$ 19,90 e o duo fiber de base, R$ 29,90). Considerando que você não vai pagar menos de R$ 150 por um MÍSERO pincel da MAC (considerado o melhor do mundo), acho que o custo x benefício é bem bom, hein? Áh, só uma reclamaçãozinha: nesse display falta o pincel de corretivo, o único que eu precisava! Espero que a loja traga logo!!

    Beauty Box corpo e cabelo

    As meninas do interior de São Paulo podem encontrar lojas físicas em Campinas, Ribeirão Preto e São José dos Campos. Áh! O e-commerce começa a vender pincéis e produtos de beleza como cremes e xampús a partir desta quarta-feira (15). Uma ótima opção para presentear e se presentear, não acham?

    A Déia H. já falou que vai comprar quarta-feira mesmo todos (quando digo todos, é porque são todos mesmo! rs) os pincéis e fará a resenha para nós.

    E vocês, conhecem a The Beauty Box?

    Ps: Esse não é um publieditorial. As maníacas por produtinhos de beleza sabem como a marca Beauty Box veio como uma mão na roda para aliar bons preços a produtos bacanas! Vale a dica! =)

    Leia também

  • Esmalte da semana: vermelho ou laranja?

    Uma cor de esmalte que nunca saiu das mãos da mulherada e jamais sairá de moda é o vermelho. Existem infinitos tons, dos mais abertos até os mais fechados. E um tipo bastante democrático, divertido e que irradia vida são os vermelhos com fundo laranja, que sempre agradam pela aparência vibrante!

    O meu esmalte da semana é de coleções passadas, mas ainda persiste nos salões de beleza. Trata-se do Prazeres, da Impala, que é lindo e dependendo da força do nosso amigo sol fica mais bonito ainda! Brilha!!

    Impala Prazeres

    Lembro que comprava diversos tons de laranja para levar à manicure – no meu caso a linda Lídia, que possui um salão de beleza aqui no bairro e já conquistou muitas fãs lá no trabalho! -, mas na semana passada olhei minha caixinha de esmaltes e muitos tinham sumido! Agora terei que procurar somente os que estão disponíveis na Lídia, que aliás são muitos!

    Impala Prazeres 2 - belezices.com.br

    Vejam como o vermelho brilha (tudo bem que a luz da foto não ajudou muito, mas, né!). Vale lembrar que eu não tiro a cutícula, porque como a minha sempre foi muito fina, qualquer alicate mais afiadinho simplesmente DESTRÓI a minha cutícula e sangra muito! Mas desde que descobri o óleo para cutículas da Premier Cosméticos do Mar Morto (que tem lá na Lídia), nunca mais as tirei, só se tem alguma pelinha levantada. Também é bom lembrar que aquelas mocinhas que adoram tirar cutículas de forma muito profunda não vão se dar bem com esse óleozinho.

    Impala Prazeres - belezices.com.br

    Vocês já usaram essa cor da Impala? Conhecem similares para indicar?

    Leia também

  • BB Cream: a nova febre no mundo da maquiagem!

    bb cream lorealGrande parte das mocinhas mais fanáticas por maquiagem está querendo saber mais sobre os chamados BB Creams (termo que significa algo como “bálsamo da beleza”), que reúnem em um só produto hidratação, fator de proteção solar, redução dos poros e das linhas de expressão, além de funcionar como base, pois geralmente têm cor. As pioneiras nesse “milagre” num potinho foram as coreanas, que disseminaram pelo mundo esse tipo de produto. Atualmente, todas as grandes marcas globais de expressão na maquiagem como MAC, Dior, Lâncome, entre muitas outras, já lançaram seus equivalentes.

    No Brasil, para aquelas que querem testar o produto sem ter que desembolsar uma pequena fortuna (sim, os BB Creams são bem caros!), duas marcas famosas lançaram versões com preços bastante acessíveis. São elas a L’oréal e a Maybelline, queridinhas das viciadas em maquiagem pelo ótimo custo x benefício que sempre entregam às suas consumidoras. A Déia H. fez a resenha da Maybelline e eu fiz a da L’Oréal. Espero que se animem!

    L’Oréal

    A embalagem vem com 30ml, volume que praticamente todas as bases e BB Creams apresentam. A textura é quase líquida, como da base MAC Face and Body. Como eu tenho a pele do rosto oleosa, procuro usar bases que segurem a oleosidade ao longo do dia e essa é basicamente a principal preocupação que tenho quando compro uma base.

    bb cream loreal textura

    Comprei o BB Cream da L’Oréal porque já tinha visto resenhas positivas sobre ela, então apostei minhas fichinhas. No Brasil, a marca coloca à disposição apenas dois tons do produto (claro e médio) e o meu é o médio. Percebi que o tom fica um pouquinho acima do meu, mas nada constrangedor.

    Vamos agora ao meu passo-a-passo para a melhor utilização possível: costumo passar duas camadas, normalmente, sem exagero, para cobrir um pouco das manchinhas e das pequenas cicatrizes que tenho no rosto. O resultado fica bem uniforme e passo por cima os dois corretivos que uso diariamente (o Pro Longwear da MAC na cor NW25 nas manchinhas e o Eudora Glam Lights - iluminador – na cor light beige nas olheiras). Depois, passo pouquíssimo pó (uso o MAC Mineralize Skinfinish Natural cor medium) em pontos estratégicos do rosto, para “assentar” o BB Cream e pronto! As fases do creme hidratante + protetor solar + primer são eliminadas, o que diminui de forma significativa a “correria” do dia a dia.

    Considerando que faço o ritual de make geralmente por volta das 11 da manhã, lá pelas 18 horas uma certa oleosidade vem a aparecer, mas nada que um pózinho não resolva! Indico o Mineral Veil da Bare Minerals, que é um santo remédio, super recomendo!

    Bem, as minhas principais impressões são a de que o produto transfere pouco (nada de atender o celular e ficar aquela mancha MEDONHA na tela), segura a oleosidade em peles como a minha por um tempo considerável e faz o trabalho de base direitinho. Resumo: um bom custo x benefício para quem quer o seu BB Cream sem deixar o salário na loja! O preço médio do BB Cream da L’Oréal é R$ 29,90.

    Maybelline Dream Fresh BB Cream

    Maybelline

    O produtinho da famosa marca norte-americana chama-se Dream Fresh BB e promete ser 8 em 1: hidrata, ilumina, é oil free e FPS 30, disfarça imperfeições, melhora a aparência da pele e se ajusta ao tom dela e suaviza (na embalagem eles não falam o que, seriam as linhas de expressão??). É lógico que não é esse milagre todo, mas tem uma boa serventia.

    Comprei o meu na farmácia mesmo, por R$ 29,90. São três cores no Brasil, clara, média e escura. Para as branquelas como eu, abrir a tampinha da cor clara (a minha) pode assustar: ela parece ser escura. Mas não desistam. No meu caso, o tom se mistura bem com a pele e não dá a impressão de estar em tom errado (mas não custa reclamar um pouquinho que a marca deveria trazer mais cores).

    Como prefiro uma cobertura mais leve e natural, o produto serve muito bem para o que preciso no dia a dia: uma pele bonita e radiante (sem aparência de reboco) e que ao mesmo tempo segure dignamente a oleosidade. Uma coisa natural, mas tendendo um pouquinho para o mate.

    Com uma camada só, que espalho com a mão mesmo, já sinto a pele mais uniforme, com olheiras já parcialmente cobertas. Aí vai de cada uma: quanto mais camadas vocês forem construindo, maior a cobertura.

    Uma coisa pode parecer estranha: mesmo prometendo ser oil free, o BB Cream da Maybelline deixa a pela um pouco brilhosa na hora da aplicação. Dá um certo desânimo, mas depois que seca essa impressão vai embora com a minha única camadinha. Por cima dele coloco o corretivo nas olheiras e no cantinho do nariz, que é avermelhado, além de uma ou outra manchinha, espinha ou resquícios dessas pragas. Uso o Studio Finish da MAC (cor NC 15).

    E pra deixar o acabamento um pouco mais opaco, uso o inseparável Blot Powder da MAC (cor medium). Mas o Mineral Veil que a Ju E. sugeriu aí em cima é milagroso também, amo de paixão.

    Faço minha maquiagem por volta das 7h30, então depois do almoço a pele já está brilhando. Mas gente, eu considero isso super normal, né? Não dá pra passar o dia inteiro com a pele intacta, nem produtos carésimos conseguem fazer isso. Nada que um pit stop para retocar o pó (e o batom) não resolva.

    Enfim, meu veredicto sobre o produto: a pele fica sim oleosa ao longo do dia e se você procura muita cobertura, não vai encontrar  - ou vai gastar todo o tubinho, que é pequeno e voa rápido. Mas é uma mão na roda para os dias de pressa/preguiça, além de funcionar muito bem como uma base levinha, meu tipo favorito. Ah, vale só destacar que o cheiro dele não é dos melhores, mas quem me conhece sabe que eu não sou a melhor referência, pois sou super chata para isso.

    E vocês, já testaram algum outro BB Cream? Indicariam alguma marca?

    Leia também

Desenvolvido por Finalité Marketing

Back to Top