Não rolou: CC Creme e shampoo a seco

Aqui no Belezices a gente procura trazer dicas e resenhas de produtos bacanas, que funcionaram e que, mesmo se tiverem alguns probleminhas, indicamos mesmo para vocês testarem. Mas nem tudo são flores né? E vira e mexe a gente gasta nosso dinheirinho com coisas que foram… péssimas! Isso para o meu tipo de pele, cabelo, unha, etc. Hoje vou trazer dois produtinhos desses que foram uma verdadeira cilada!

O objetivo não é ficar gongando produtos ou marcas, até porque isso acrescenta pouco pra gente. Mas só alertar que, se você tiver o meu tipo de pele e cabelo (oleooooosaaaa), não vai rolar! São esses dois: CC Creme da Quem Disse, Berenice? e o Shampoo a Seco para Cabelos Oleosos, da linha Siàge da Eudora.

20160807_182414

Sobre o CC Creme: a Quem Disse, Berenice? promete 11 benefícios (meu Deus, é coisa demais né… sempre desconfio), dentre eles “deixar a pele sem brilho”. Gente, comigo, que já tenho a pele muito oleosa e cuido muito disso, foi um horror. Além de sentir a pele extremamente brilhosa durante o dia, o produto acabou me trazendo espinhas de monte na testa, coisa que eu não tinha há anos — e não fiz/usei nada diferente nesse período.

20160807_182426

Sério, foi uma experiência muuuito ruim. Se você tem pele oleosa, fuja! Fora que o produto transfere muito (parece que ele não seca na pele) e tem um cheiro horroroso. Passo!

Sobre o Shampoo a Seco: meu cabelo é muito oleoso e, mesmo lavando todos os dias, tenho que recorrer bastante a essa maravilha de shampoo em spray. Só que esse produto da Eudora, na minha experiência, tem um probleminha meio grave: o cabelo até fica cheiroso… mas segue oleoso. Sério, ele não melhora em NADA o aspecto de fios oleosos. Assim, nem um pouquinho de nada.

Eu não sei se estou com problemas de oleosidade (sempre né, desde a adolescência rsrs), mas decepcionou demais essa questão.

Ah, um adendo importante: esse shampoo é muito cheiroso, não fica aquele branco difícil de tirar nos cabelos mais escuros e… a sensação no cabelo é muito boa: os fios não ficam duros ou cheios de produto e a sensação ao toque é ótima. Mas né, no meu caso, essa última característica aconteceu basicamente porque o aspecto do cabelo oleoso não mudou nem um pouco. Enfim, fico com o Batiste, sem sombra de dúvida!

Enfim gente, espero que curtam esses posts “sincerões” e que sirvam para vocês! Novamente: a minha experiência pode ter sido ruim, o que não significa que não funcione para um monte de menina que busque outros resultados ou tenha pele e cabelo diferentes!! ;)

Postado por:

Déia H.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Leia também

Desenvolvido por Finalité Marketing

Back to Top