Dupla dinâmica: creme Nivea e água termal

É até um pouco “bobo” falar por aqui de um dos produtos mais tradicionais da vida: o Creme Nivea. Acho que todo mundo, ao menos uma vez, já usou esse creme quando precisou de uma hidratação mais power. Fazia muuuuuito tempo que eu não usava, até porque minha pele é oleosa. Mas a embalagem pequenina (e que custa cerca de R$ 10) me convenceu muito para levar em viagem. Então acho que vale aqui uma dica de como tenho usado esse mito dos cosméticos: com água termal.

20161205_091401

Parece uma dica tola, mas pra mim funciona demais! Como minha pele é oleosa, não gosto de usar só o Nivea: ele é bem pesado, vocês devem saber. Difícil de espalhar pelo rosto, muito denso (ao passar a gente quase esfrega ele na cara rs), gorduroso mesmo. Mas vocês sabem: pele oleosa também precisa de hidratação minha gente!

20161205_091559

E o Nivea voltou a ser meu companheiro. Especialmente a noite, quando sinto maior necessidade de intensidade na hidratação. Só que, para não ficar nervosa com as características do Nivea que destaquei acima, eu uso “misturado” com água termal.

20161205_091450

Eu borrifo a água termal no rosto todo, normalmente. Espero secar um pouquinho (só para não ficar encharcado) e aplico o Nivea, especialmente nas áreas mais necessárias — meu queixo por exemplo, que é meio seco. Evito aplicar muito na zona T (testa e nariz) por ela já ser bem oleosa.

20161205_091523

O resultado mais prático disso é que o creme Nivea fica mais diluído e muito mais fácil de aplicar. Também parece que absorve mais rápido, não fica aquele aspecto pesado no rosto. Enfim, é o meu combo favorito!!!

20161205_091549

Postado por:

Déia H.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Leia também

Desenvolvido por Finalité Marketing

Back to Top